terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

A CIÊNCIA DO COSMO


    estrela_001.gifNÊUTRONestrela_001.gif


O nêutron, na Doutrina do Amanhecer, não se refere ao homônimo da Física - que designa as partículas atômicas sem carga elétrica, que envolvem o núcleo central do átomo -, mas sim a uma forma de energia nebulosa, uma nuvem com limites, controlada pela força da gravidade que a pressiona em toda sua periferia, e que faz a divisão dos diversos planos, um turbilhão espiralado de partículas em movimentos centrífugos (do centro para a periferia), denominados “Proteção de Deus”, que afastam ou emitem horizontalmente, em progressiva condensação, sob o comando do Eixo Solar de nossa natureza; e centrípetos (da periferia para o centro), reunindo todas as energias e fluídos ectoplasmáticos no Centro Coronário.
O nêutron pulsa, contraindo-se e se descontraindo, como se fosse um coração esferoidal. O nêutron se altera conforme seja dia ou seja noite, porque os raios solares dilatam suas moléculas e dificultam a penetração, motivo pelo qual os trabalhos espirituais realizados à noite são mais fáceis.
Embora o nêutron não se impregne pela energia, é energizado pelo nosso plexo físico e gira em torno de nós.
De acordo com nossa vivência e nossos pensamentos, estabelece um grau de vibratilidade. Quando as pessoas não têm uma doutrina, este grau de vibratilidade é neutro, não tem eficiência, enquanto na pessoa que possui conduta doutrinária seu nêutron é iluminado pelo EON , energia luminosa do Sistema Crístico.
Com essa forma de espiral, formamos sintonia com os planos de nossa individualidade: é o mergulho na individualidade.
Quando emitimos, falamos de coisas que estão dentro de nós e coisas que estão fora de nós. É o contacto com o Universo, nossa integração universal pelo mergulho em nossa individualidade.
Nosso plano físico, na Terra, é limitado pela força do nêutron, dando ao Homem uma visão limitada do Universo em que está contido, deixando apenas, pela força da percepção, que penetre em outros planos.
A pouquíssimos é dado o privilégio de poder ver outros planos.
O Homem não teria como manter seu equilíbrio mental sem as limitações do nêutron. Para ter perfeita percepção de seu mundo, o Homem deve ter limitações como o tempo e o espaço, noções de como se submeter às leis físicas da gravidade e dos movimentos, das leis que regem o funcionamento de seu corpo e de sua mente, aprender a lidar com as emanações dos seres animados e inanimados que compõem o seu ambiente.
Separando o mundo físico e sensorial dos planos espirituais, o nêutron, quando é rompido, provoca uma explosão, estado de relativa anormalidade, que vamos aprendemos a manipular por nossa Iniciação e consequentes Consagrações na Doutrina do Amanhecer.
Segundo Humarran,  o nêutron - ou turbilhão neutrônico - que constitui o nosso micro-plexo, nossa alma, produz e permite a existência de certa quantidade de luz. Luz esta que clareia, ilumina o caminho para nossa mente, permitindo que tomemos nossas decisões de acordo com nossa posição em nossa trajetória nesta encarnação, na Terra.
Aqui vivemos, rodeados por espíritos desencarnados, formações ectoplasmáticas e um sem número de construções energéticas, mundos invisíveis que existem, se movimentam e atuam de acordo com suas leis próprias, separados de nossa percepção pela barreira do nêutron.
Quando fazemos a preparação para nosso trabalho, buscamos, na vertical, todo o acervo que possuímos no Universo, através do nêutron, para que possamos, com nossa mediunidade, distribuí-lo horizontalmente, na medida da necessidade do trabalho que realizarmos, desde o mais simples ao mais complexo.
Pela ação dos raios do Sol, o nêutron se torna mais denso pela dilatação de suas moléculas, dificultando sua penetração. Por isso devemos realizar os trabalhos espirituais preferencialmente à noite ou na penumbra, por ser mais fácil a comunicação.


Segundo Tia Neiva, entre as grandezas do nêutron existe uma grande especialidade: a Magia Neutra ou Nativa.
Se não fosse o nêutron, viveríamos sobressaltados com as explosões dos átomos e flutuaríamos como pequenos balões.
nêutron protege o Homem na sua inconsciência, controlando seus princípios magnéticos, porém sem os termos de lei que possam burilar sua alma ou sua consciência.
Com a implantação dos Sandays , trazidos pela projeção das 21 Estrelas , deu-se início à alteração da composição vibracional do nêutron, começando a modificação que determinará a conjunção dos dois planos, quando poderemos ver espíritos, com todas as suas características de habitantes dos mundos invisíveis, aparecerem no nosso mundo. Não serão materializações, mas, sim, simples passagem de um plano invisível para o visível.
“O macro-cósmico – ou nêutron – neutraliza o físico do etérico, formando esta grande barreira intransponível da luz solar ao etérico, dividindo o segundo plano do primeiro, onde atinge formas diversas, inclusive fora do Sistema Crístico.” 
(Tia Neiva, 28.6.77)
"A matéria não organiza – é organizada. Sua função representa senão uma modalidade de energia esparsa. Nossos elementos, nos planos físicos, chegam a ultrapassar as barreiras do nêutron na formação do nosso sistema planetário.
As junções ou injunções concentradas de energia do plexo físico em fusão é que resulta no nêutron, uma nebulosa que, pela força da gravidade pressionando de toda a periferia para o centro, provocou o movimento circular que, paulatinamente, modificou sua forma, tendo um sentido mais ou menos espiral, acompanhando o movimento circular giratório, que é denominado “Proteção de Deus”, com forças denominadas centrípeta e centrífuga.
A centrípeta tem por função reunir todas as energias ou fluidos ectoplasmáticos no Centro Coronário.
centrífuga afasta ou emite na horizontal, na progressiva condensação, sob o governo do eixo solar de nossa natureza.
Fazendo esta explicação, um mestre, um filho, fez a seguinte pergunta:
- Por que o nêutron? Então ele não nos atrasa, nos escondendo os mundos espirituais?
(Pergunta inteligente, achei). Não, não haveria sentido o corpo físico se houvesse uma só visão. Não haveria, também, necessidade do Sol, que ajuda esta condensação material.
Como seria a vida solar, com tantas imagens, com tantas visões deformadas dos espíritos em cobrança?
Bem coordenada é nossa explicação sobre o nêutron e todos estes aspectos da Doutrina, em suma, o preceito fundamental de Jesus Cristo, que são as leis eternas de Deus Pai. (...)
nêutron não se impregna pela energia, porém sofre alteração entre o dia e a noite.
Em todas as suas grandezas, há mais uma grande especialidade: a Magia Neutra ou Nativa.
Graças ao nêutron é que chegamos até aqui. Se não fosse o nêutron, viveríamos sobressaltados pelas constantes explosões dos átomos e, também, flutuando como pequenos balões.” 
(Tia Neiva, 4.10.77)
“Não é possível atravessar o nêutron sem que haja o perigo de explosão. Aos poucos, tudo se cumpre como Deus quer!” 
(Tia Neiva, 21.11.81)

ESTRELS.gif (17939 bytes)
 estrela_001.gifCIÊNCIA E DOUTRINAestrela_001.gif
              
Matéria, Energia, Força e Trabalho são conceitos Científicos e Espirituais que no nosso dia a dia utilizamos sem muitas vezes sabermos o seu real significado.
Cientificamente não são conceitos difíceis. Ao contrário, mostram como são esses fenômenos da criação, e esclarecem para o quê servem. A Doutrina Espírita, e em particular a Doutrina do Amanhecer, se encontra e caminha junto com a Ciência. Está claro que tudo é obra de Deus Pai Todo Poderoso, mas que por diferentes caminhos a Ciência contribui para a compreensão dos fatos envolvidos nos trabalhos Mediúnicos, tão comuns no dia a dia dos Jaguares. O entendimento dependerá do contexto em que explicamos e das palavras utilizadas. Salve Deus!
A Ciência nos conduz ao conceito de matéria como sendo tudo aquilo que é palpável (possui massa) e que ocupa lugar no espaço. Observe que no início de todas as Consagrações na Estrela Candente somos convidados pelo dirigente a formar a fila magnética observando a hierarquia do Mestrado. Sim, somos matéria! Possuímos um invólucro material que deve se posicionar de acordo com a hierarquia da Doutrina. Uma das propriedades dessa matéria é de não ser possível duas ou mais pessoas ocuparem um mesmo lugar no espaço. Por isso, há de se ter um mínimo de ordem, motivo pelo qual aparece a fila.
A matéria e a energia desde o princípio andam juntas e são interdependentes. No Universo, matéria e a energia se transformam uma na outra num processo sem fim. Estabelecem-se num equilíbrio dinâmico, porém sempre se conservando em ambas as formas e com isso permitindo a vida como a conhecemos.
Einstein explicou exatamente isso, e ainda afirma que tudo neste Universo é relativo. Relativo à que? O que é relativo? Expliquemos: Na física o termo relativo indica: a dependência da posição e do estado que você se encontra ao observar um fenômeno qualquer. Simplificando, “onde você está” e “como você está”, são os relativos. Isto porque podemos mudar de posição, de velocidade e também de condições de estado energético. Assim é muito importante definir se você esta parado, em movimento, e acredito que posso acrescentar: energizado, mediunizado ou harmonizado, uma vez que nestes estados há movimento de energias.
Matéria é Energia concentrada, e o ser humano  representa a capacidade máxima de condensação de energias.


Durante o período em que estamos trabalhando espiritualmente, devidamente mediunizados e mergulhados em nossa Individualidade, não temos uma noção exata do tempo que passa e do cansaço.
Porém, é natural, que após o encerramento do trabalho, passados alguns instantes, sintamos o desgaste energético natural do corpo físico.
A energia extra-etérica, que recebemos durante a realização, necessita de um tempo para ser transmutada na energia física, que necessitamos para a reposição do desgaste corpóreo.
Analisando cientificamente, chegamos a conclusão que o equilíbrio energético é perfeito! Ao doarmos nossas energias durante um trabalho espiritual, recebemos exatamente a mesma quantidade de retorno do Plano Espiritual, porém uma energia mais sutil, pura e que vem a nos auxiliar em nossa jornada. Esta energia renova nossas células e nos garante um equilíbrio físico-espiritual mais eficiente. Todavia, para ser devidamente aproveitada, necessita de um “tempo de acomodação”.
“O colete suado, pernas fracas e a vontade de tomar o cafezinho com pão de queijo, são provas incontestes do desgaste energético dos Jaguares na realização dos trabalhos. Podemos então entender que Energia é tudo aquilo com capacidade de produzir trabalho. É claro que através da variação desta energia, ou seja, de cada Trabalho realizado e de sua qualidade, advém os Bônus e/ou Merecimentos creditados por outra forma energética muito sutil: a Espiritual.
Assim, após a reposição física, com a renovação energética acomodada, nos sentimos mais fortes, animados e verdadeiramente ansiosos pela próxima jornada de trabalho.
As energias existem em muitas formas e recebem diferentes nomes: Cinética, Elétrica, Potencial, Nuclear, Química, Magnética, Mental e Espiritual e ainda em muitas outras formas. Os nomes se referem à origem ou a sua utilização. De qualquer forma são energias. Podem ser transformadas e por que não falar: manipuladas. Muitas se encontram disponíveis, no entanto, outras necessitam serem captadas ou mesmo produzidas. Uma vez disponível, essa energia não têm direção nem quantidade própria necessitando que uma força inteligente que as direcione propiciando um objetivo e a quantidade certa. Sim, o médium Jaguar ao se desenvolver vai dominando a manipulação das energias. Na humildade e caridade ele encontra a dose certa.
É claro que se trata de uma grande responsabilidade. Desde o início, o Jaguar passa por graduais modificações em seus plexos que irão permitir a emissão e manipulação de energias. Os mentores responsáveis pelo desenvolvimento os acompanham muito de perto, intervindo em suas energias, nos plexos, na parte Mental inconsciente, fazendo consciente apenas aquilo que pode servir ao desenvolvimento do médium. Plexos são regiões de nosso corpo biológico, onde temos grande irrigação sanguínea bem como vasta rede de nervos interligados. Um plexo nervoso é uma rede de nervos entrecruzados semelhante a uma caixa de distribuição elétrica numa casa.
“Zifio, sem o amor e caridade nada se realiza! Nem a energia. Lembre-se de que esta pode voltar-se e realizar um trabalho contra você.”
Unificação da Ciência à Doutrina foi uma das premissas do Trino Tumuchy, desde os primeiros passos de sua caminhada como Mestre Jaguar. Ciência e Doutrina não são coisas contrarias! Caminham de forma intrínseca na formação do homem do terceiro milênio.
Licínio Fontana
Kazagrande

ESTRELS.gif (17939 bytes)

   estrela_001.gifCIÊNCIA ETÉRICAestrela_001.gif


Salve Deus!
Meu filho Jaguar.
Como existem muitas formas diferentes de vida no corpo humano e cada forma separada e colonizada, existem muitas colônias. À proporção que o homem se torna mais inteligente, estas formas de vida se tornam cada vez mais sintéticas. Existem muitas formas de vidas na forma mais alta animal. Colonizado o homem atual, este homem sabemos que vive no segundo ciclo. De acordo com seu ciclo, desenvolvendo as formas coloniais de vivências, formas de vidas que podemos ver a olho nu. A grande obra que esta sendo realizada nos planos superiores, vai eliminar do corpo humano, todas as formas inferiores de vida, isto é, se fará pela força das mentes a caminho. As forças são aplicadas e emitidas pelas vibrações, como também, muitas vezes, são corrigidas pelas forças afins destas colônias.
O assunto exige muito estudo. A caridade é a libertação, salvo pela força superior. Muito embora o homem não trabalhe para o mal, pode tão somente ter em “haver”, em sua colônia, algo errado, que o envolva e o provoque no centro primitivo. As formas infinitésimas de vida é que produzem saúde, auxílio na formação perfeita, auxiliada pela forma dos poderes superiores. As colônias recebem, sim, do superior, mesmo as colônias do inferior, tudo recebem: força vibratória, vibração atômica, “harmônica” ou “Raio do Sol”. Sim, porque atômica é a força manipulada pelos raios do Sol. Todos estes movimentos são cuidadosamente conjugados, uniformes e rigorosamente ajustados.
Sim, por mais que os seres humanos deem expansão aos seus conhecimentos, por mais que estudem e mais se aprofundem, não poderão penetrar na limitada posição que ocupam em toda sua existência. E digo existência somente neste planeta. Sim, falo na individualidade, em toda extensão infinita. A mente pode avançar até certo ponto, mas fica sempre sem poder atingir a realidade da meta, não abrange a sua concepção, sempre sem atingir a meta extrema. A inteligência já pode compreender o que esta sendo revelado pela Ciência Etérica, que vem se materializando. Se todos tivessem compreensão desta realidade, o sentido da criação transformada, arrastando, por sua vez, os valores que implicam qualquer ação no seu campo vibracional.
Por exemplo: Da. Eduvirgem, uma senhora que eu conheci. Conheci nas piores circunstâncias possíveis. Sim, família numerosa: filhos, marido, genro, nora, tudo em completo desajuste. Certo dia ela veio me pedir um remédio, porque estava sonolenta, a ponto de se descuidar dos seus afazeres. Porque na realidade, ela era a baluarte da família. Comecei a me preocupar mais. Duas horas da tarde, de um dia de segunda feira, fui à Cidade Livre, onde encontrei Da. Eduvirgem recostada numa maquina de costura, dormindo serenamente. Um rapazinho vinha cantarolando, quando surgiu de outra porta um cidadão, pedindo silêncio, zelando pelo sono de Da. Eduvirgem. Depois examinando-a, disse: Vou levá-la ao médico, este sono da Eduvirgem pode ser doença.  Daí não sei o que aconteceu, porque os deixei providenciando o médico, etc., e fui entrar em outra sintonia. Não sei como ou por que, cheguei a uma não muito conhecida colônia e, um pouco assustada, senti alguém conversando muito perto de mim, onde um vidro nos separava. Um casal, cuja mulher aparentava quarenta anos e ele uns quarenta e cinco, em diálogo de amor. Duas pessoas bem apaixonadas, sem esperanças de se unirem. Ela dizia coisas que eu logo reconheci como sendo Da. Eduvirgem, como por exemplo:
-Estou cansada! Não tenho forças para continuar. Sinto uma terrível sonolência... Fiquei admirada, sem reação não sei por quanto tempo, enquanto ele dizia. – Tenha paciência. Sinto que esta breve. Tudo passará. – Nisso a moça levou a mão no peito, deu um grito e desapareceu. Ficava desapontada sempre que me recordava do quadro naquela colônia.
Certo dia, encontrei no Templo com uma das filhas de Da. Eduvirgem, de quem nunca mais tive notícias, embora sempre ligando um quadro a outro. Sim, me disse a jovem que era sua filha: na tarde que eu a vira dormindo recostada na maquina de costura, ela havia morrido, porque o farmacêutico lhe dera uma injeção de calmante e seu coração não aguentara, morrera ali onde estava.
Assim na Terra como no Céu, meu filho, sempre temos alguém nos esperando, nos amando.
Cumprindo com amor tudo que entreguei dos meus olhos em Cristo.
Salve Deus,Tia Neiva.
(Vale do Amanhecer, 08-11-77).

   estrela_001.gifO FIM DO ETÉRICOestrela_001.gif

Galaxy-01.gif (33148 bytes)

O quê é a Conjunção de Dois Planos?
Meus irmãos e minhas irmãs, já vivemos o profético momento da Conjunção de Dois Planos. Não é mais uma profecia a vagar em nossos corações e mentes, é algo real que traz a Luz da Espiritualidade para todo este nosso Planeta.
Não será o 2012 fim do mundo ou dos tempos, mas apenas mais uma marca de avanço, dos Planos Espirituais, rumo à nova tônica que nos envolverá.
Os Mundos Negros insistem preocupados pelo inevitável. Inspiram o medo das catástrofes anunciadas e das cobranças que a natureza realiza pelos desmandos cometidos.
Tentaram, e tentam, por diversos anos, inspirar a clonagem humana, na esperança de obter o sonho da reencarnação sem necessitar da Centelha Divina.
Mas o destino está traçado! O inevitável fim do plano etérico que envolve a Terra, acrisolando nele espíritos por séculos de incompreensão e escravidão, terá fim! A consciência espiritual avança tão velozmente quanto as degradantes práticas inspiradas pelos vampiros sedentos da energia dos encarnados.
Porém a Luz sempre faz ver melhor! Por isso enxergamos com mais clareza tudo que está a nossa volta e, conscientes, tomamos parte de um exército em busca de semear o bem e encaminhar nossos irmãozinhos presos nas garras deste plano ilusório de dor e falta de amor.
Quanto mais Luz, mais vemos os erros e desmandos da humanidade, por isso a falsa impressão de que tudo está perdido, e o medo do propalado “julgamento final”.
A volta dos Jaguares, espíritos milenares de grande experiência nos momentos de transição, reequilibrando suas auras, quitando suas cobranças inerentes às suas passagens marcantes por este plano físico, anuncia a Nova Era.
Estamos mais uma vez presentes e reunidos, agora sob a égide da Doutrina do Amanhecersob o comando do Grande Jaguar Seta Branca.
Temos nossos próprios reajustes, nossas necessidades de reequilíbrio, até mesmo entre nós! Mas somos uma grande esperança! Nenhuma outra Doutrina, Filosofia, Religião ou Crençaé capaz de encaminhar tantos espíritos de maneira tão eficaz e simples.
Mesmos aqueles que assumiram as mais humildes encarnações, que se sujeitaram a dificuldade do analfabetismo e a falta de acesso à cultura, podem erguer seus braços em uma Chave Iniciática e re-encaminhar um irmãozinho há tempos escravizado pelo plano etérico.
Nossa Missão? Encaminhar! Doutrinar e emanar!
Somos aqueles que se sujeitam à todas dificuldades, desta que pode ser nossa última encarnação terrestre.
Somos os que apostaram seus bônus em uma inglória cruzada de fé, sem obter méritos físicos, mas com a certeza de que vale a pena investir até o último centil, para poder voltar para casa de cabeça erguida e com a missão mais uma vez, e agora definitivamente, cumprida!
Em outros tempos auxiliamos a civilizar o mundo, trouxemos pela Lei da Forçaque inspirava este mundo de expiação, a organização e a disciplina espartana. Estivemos presentes nas grandes decisões em favor de tomar o poder das mãos dos tiranos e ainda voltamos ciganos pelos nossos reajustes.
Os mais corajosos enfrentaram a escravidão como paga aos desajustes e em sua maioria evoluíram, e nos auxiliam dos Planos Luminosos como nossos queridos Mentores de Luz.
Nós, ainda com dívidas acumuladas, enfrentamos esta jornada mediúnica. Reajustando e encaminhando! Pagamos nossos débitos como qualquer outro encarnado, mas temos em nossas mãos a oportunidade de mostrar o caminho a ser percorrido, para incontáveis espíritos cansados de do plano da ilusão e dor.
Estes... Nunca nos esquecerão! Semeamos com nossa Doutrina, amigos desconhecidos que nos esperarão no sublime momento da passagem, para nos abraçar e dizer: Obrigado por ter cumprido sua missão!
Kazagrande

estrela_001.gifCARGA NEGATIVAestrela_001.gif


Salve Deus!
Com a abertura das portas no etérico plano as coisas pesam um pouco mais em comparação ao motivo da proteção que recebemos no dia-a-dia.
Eu estou acompanhando de perto a reestruturação espiritual que está acontecendo no livre arbítrio dos médiuns deste Amanhecer, pois o conteúdo programático da renovação eclodiu pela falta de empreendimentos conciliadores entre os dois mundos. As raízes estão secando por falta da água da vida e os novos frutos que já se perdem no solo fértil da involução. As mariposas não estão encontrando mais a luz e sem direção correm o risco de desaparecer.
Eu recebi esta noite a presença de muitos espíritos oriundos dos prazeres da Terra..., eles não se importam quem é quem, o maior sucesso é ver seu concorrente derrotado. Então veio junto à carga negativa, um átomo escuro aprisionado no padrão mental. Eu recebi esta descarga e fiquei ruim, levantei péssimo deste encontro, e ainda sinto o efeito desta composição atômica que pode explodir por uma simples faísca, ou por uma palavra mal dita sem emprego do verbo divino. Calar é a melhor sintonia deste momento para que eu não seja mal compreendido e assim não resulte em contra tempo desnecessário impedindo a grande engrenagem de rodar no infinito cosmo.
Os espíritos chegaram esta noite oriundos de várias passagens pela Terra, encarnados e desencarnados, sim, pois quando um espírito se desloca do seu físico ele arrasta junto as suas dores, as suas heranças transcendentais e onde ele se localiza contamina o ambiente. Se for luz irá iluminar e será bom, se for sem luz, às coisas ficam perigosas e o ambiente pesa. Eu costumo fazer um teste com as pessoas para saber o grau de sintonia que elas têm em seu coração. Com a força do plexo abrindo o portal eu faço uma alteração no sistema circulatório dos chacras que alimentam a transformação biológica relaxando os músculos que porventura estão presos ao padrão terreno. Com esta movimentação eu vejo que as pessoas não têm um mínimo de sintonia com nada. Elas não estão ou não sabem como agir para estar com Deus. Eu fico impressionado com a falta de fé, com a falta de luz em seus olhos, com o pouco que tem para oferecer a uma evolução. São secos por dentro. Prestem atenção, vejam com seus próprios olhos. Onde você estiver repare que as pessoas só vivem em função do físico, do materialismo, elas não estão ligadas ao astral superior, ao seu eu interior.
Com a infusão do magnético espiritual concentrado nos grandes blocos que se desprendem dos Mundos Encantados dos Himalaia eu recupero o meu plexo e assim atinjo os demais pela força geradora. Estes blocos de energia que eu falo são como grandes pedras de gelo que caem pela Terra fazendo explodir em milhares de flocos desagregando a energia cósmica tão necessária a cura individual. Um processo divino e poderoso que faz diferença no andamento de um processo detalhista como é a nossa Doutrina. São pequenos detalhes que alteram a biologia humana.
Então eu recebi esta descarga negativa e por Deus como é esquisita esta manipulação desordenada do plexo atuado. Mas com a força do cavaleiro eu vibro na sua harmonia e logo com a chegada do Sol ele queima os resquícios do negativo. Sol transformador que acelera nosso Aton interior. Este poder que todos têm é um despertar da consciência absoluta em Deus Pai Todo Poderoso. Mas como ainda os Homens usam de forma errada eles não aprenderam a dominar esta técnica diferenciada, pois seria um total desastre envolvendo dividas cármicas. Seria um Deus nos acuda, pois as constantes explosões dariam inicio ao fim da humanidade.
Como aqui no nosso continente Apurê do Amanhecer, o Sol refresca o horizonte com preguiça de se levantar nós sofremos um pouco mais para nosso sol interior transformar e traduzir os efeitos do negativo para o positivo. Mas tão logo os olhos se ergam e o físico receba a projeção solar nosso Aton revigora e a química faz o processo de recuperação. Se for a noite será pela lua esta reparação.
Eu sempre formo meu aledá da vida para enfrentar o meu dia de trabalho. Assim todos deveriam fazer para que a sustentação do físico também seja a nobre morada do espírito.
Vamos a nossa missão com amor, muito amor, porque dias virão que irá precisar dele como nunca para rebater as forças contrárias dos seus próprios desejos.
Salve Deus!
Adjunto Apurê



“Um ATON é uma força concentrada que se limita e repousa no Diel do Interoceptível. Fica sempre a se desagregar, buscando novas energias. Não é força giratória, mas sim geradora. Sim, meu filho Jaguar, a força de um Aton! Ele pode modificar a sua força, mas a força não gira. Ela trabalha nos movimentos centrífugo e centrípeto, subindo e descendo. Aton é um poder iniciático. É, também, uma arma que o seu condutor só consegue deter estando rigorosamente preparado. Um Aton é como um acumulador de forças que gera a força de que você dispõe na necessidade, na hora do trabalho, digo, trabalho de Sanday. Sanday é como denominamos os trabalhos iniciáticos na Corrente Indiana do Espaço. Um Sanday só pode ser executado com a presença de um Sétimo Raio. Um Aton é sustentado pelos trabalhos de Sanday. O Aton é formado de uma esfera a qual sustenta a energia ectoplasmática para os fins determinados do Sanday. Um Aton cresce, porque nele são impregnadas, também, energias diversas: a força absoluta, que vem de Deus Todo Poderoso, energias etérica e extra-etérica, e, algumas vezes, o Aroma das Matas, energia das campinas, energia silvestre e, por fim, mantras das águas - da água salgada, das águas do rio caudaloso -, que se dividem, como se dividem o Aroma das Matas virgens e o aroma silvestre das campinas, a força absoluta vibratória das cordilheiras, do Sol e da Lua... Quando nos referimos ao nosso Aton, nosso imã verdadeiro, só é ativado depois das 3 horas, após abertura do Segundo Intercâmbio. Um Sanday, também, só deve ser realizado após o Segundo Intercâmbio ou em caso de suma necessidade.” 
(Tia Neiva, s/d).

ESTRELS.gif (17939 bytes)

  estrela_001.gifANTIMATÉRIAestrela_001.gif

ANTIMATÉRIA é uma outra divisão do Universo, onde as forças agem e interagem de forma idêntica ao nosso mundo de matéria, apenas com ação desintegradora.
As partículas antimatéria os pósitrons - foram cientificamente descobertas por Carl Anderson, dos Estados Unidos, que, por isso, recebeu o Prêmio Nobel em 1936. Assim, a Ciência comprovou a existência de antiprótons, antinêutrons, etc., proporcionando a produção dessas antipartículas em laboratório, que se formam sempre aos pares matéria e antimatéria.
No Universo existem os chamados “buracos negros”, ainda em estudo, mas que se revelam fontes poderosíssimas de antimatéria, sugando para seu centro tudo o que esteja ou passe em seu raio de ação: estrelas, planetas e outros corpos celestes.
Elemento só agora sendo estudado pela Ciência, sabemos que, em nossa Corrente, a antimatéria age por forças que removem as cargas pesadas, as energias negativas, atuando na sua desintegração. Elas formam um poderoso conjunto e são, também, manipuladas a partir do Reino Central. Não existe qualquer desintegração sem ação de uma delas.
Em qualquer trabalho ou Sanday, é uma energia que se faz presente, retirando do ambiente as forças esparsas, as camadas de vibrações pesadas, para que possam chegar as energias positivas e curadoras. E, em todos os momentos, estão agindo. Mesmo que o Médium as desconheça ou não saiba como manipulá-las, elas se fazem presentes, pois constituem o único tipo de energia capaz de agir na desintegração, exatamente como na Física da Terra: em contato com os átomos da matéria, carregados negativamente, ela provoca a desintegração.

Carta aos Cavaleiros Especiais
É sempre de salutar importância relermos as cartas escritas por Tia Neiva, nossa Agla Koatay 108. Importante também é lermos e nos atentarmos para as revelações e sábias palavras expostas em documentos e/ou livros referentes à Doutrina do Amanhecer. Esses acervos não foram deixados para a posteridade sem um intuito essencial. Lembrem-se meus irmãos: Somos o recurso final de toda uma época e humanidade. Somos a Luz em meio às Trevas. Somos os guerreiros, os paladinos da última hora. E, por isso, em meio a esta singela mensagem da qual me faço mero transmissor, venho rogar a todos os jaguares, verdadeiramente comprometidos com os desígnios e as ordens superiores dos Mundos Encantados de Deus Pai Todo Poderoso, que devotem toda a concentração e toda as suas forças em prol dos indivíduos envolvidos numa da que pode ser a guerra preconizada por Tia Neiva na década de 1980, quando escreveu, sob profunda inspiração superior, a Carta aos Cavaleiros Especiais:
"Meu filho Jaguar,Salve Deus !
Dizem os Grandes Iniciados que os nossos esforços, na individualidade, conseguem alcançar a liberdade de dois planos espirituais, podendo alcançar, com perfeição, a dupla energia.
Sim, vivemos a energia do Canal Vermelho. De lá, partimos para as nossas origens.
Porém, vivendo aqui neste mundo físico, temos que estar alertas com o que temos em nossas cabeças.
Uma cápsula enorme envolve todo este Universo e, na conduta elevada deste Quinto Ciclo, podemos esperar, não muito longe, a sua evolução, também, como um ciclone.
Sim, dois mundos MATÉRIA e ANTIMATÉRIA - que se compõem de energias. É uma vida condicionada. Porém, nessa vida não há preocupações com o nascimento, doenças nem mortes.
Espero, filhos, que não chegue o Sétimo Ciclo, o período determinado por Jesus, e os mundos matéria e antimatéria - se choquem e desintegrem este poder que pensamos ser o Homem que é apenas cientista, isto é, sem fé em Deus!
Filhos: esta partícula nunca vem a ser vital. Por conseguinte, o Homem Cientista jamais poderá ver as suas partículas, sim, que são a antimatéria, que é condensada.
Porém, a matéria se divide constantemente, a flutuar, e flutua. É o perigo! Os cientistas nucleares vão destruir o mundo material com suas armas nucleares e o mundo antimatéria escapará, pois nenhuma arma material poderá cortá-lo ou queimá-lo. Nenhum cientista o saberá.
Somente a água do Quinto Ciclo poderá aniquilá-lo. E as duas energias se formam e se manifestam como o supremo mundo: espírito e matéria, a Verdade Absoluta!
Eis porque lhes disse que Deus não pára a guerra, mas a Cabala pára uma guerra.
Espero, filhos, que antes deste ciclone, já os veja como verdadeiros cientistas deste grande fenômeno!
Não tenho dúvidas de que o nosso Brasil estará isento do ciclone. Porém, não estará livre completamente dos muitos fenômenos que a Terra vai produzir: descobertas de petróleo e diamantes, que tão logo se manifestem, do solo haverá o fenômeno de supostas moléculas qualificadas inferiores.
Assim como os átomos formam o mundo MATÉRIA, também os átomos formam o seu mundo ANTIMATÉRIA, com a mesma perfeição.
Nesses mundos, ainda não tenho certeza de como são esses seres. Porém, tenho a certeza de que vivem pela bênção de Deus!...
Se pertencem ao Cristo, ainda não sei. Acredito, sem certeza, apesar de vê-los na linha da terceira dimensão - não tenho diálogo. Salve Deus ! com carinho, a Mãe em Cristo."
(Tia Neiva, 14.10.80)


Meus Irmãos ! Em frente às investidas e ao desequilíbrio diplomático entre os países Estados Unidos da América (EUA) e Coréia do Norte, tememos sobre o resultado dessas incompreensões. Ademais, recebemos informações de que muitos ministros do Astral Superior têm se manifestado em diversos Templos do Amanhecer espalhados pelo nosso país imputando aos mestres, através de comunicados e mensagens esporádicas, da importância de nós jaguares unirmos forças para que esse desvario e ganância dos presidentes destes países envolvidos não resulte na pior guerra nuclear de todos os tempos. Vamos nos ater ao que a Tia nos disse:
"[...]Os cientistas nucleares vão destruir o mundo material com suas armas nucleares.[...]Sim, filhos, eis porque lhes disse que Deus não pára a guerra, mas a Cabala pára". Vamos fazer a nossa parte. Segundo o que consta nos registos doutrinários, a força do jaguar já impediu a III Guerra Mundial. Vamos impedir mais essa loucura, mais esse atentado contra a vida. Só Deus cria a vida e só Deus pode tirá-la. Contamos com todos. 
SALVE DEUS !
Povo Rancy, 04/04/2013

Meu filho Jaguar, Salve Deus!
Sabemos que a alma tenta fabricar e modificar o organismo através dos séculos.
Em geral, a sensibilidade fluídica do ser é proporcional ao seu grau de pureza e de adiantamento moral. Nesta regra vivemos no meio de uma multidão invisível, que assiste silenciosa e atenta as mesquinharias de nossas existências, participam, pelo pensamento, de nossos trabalhos, de nossas alegrias e de nossas penas.
Lembre-se, filho, que não é possível animar o corpo se a alma está ausente.
Se a sua alma busca as coisas distantes de sua Doutrina, não há calor para a sua Doutrina!
Sim, filho, além do perispírito que vive dentro do nosso corpo, o CENTRO NERVOSO, temos partículas do sistema fluídico que vivem dentro de nós, na realidade, como anti-matéria, nos sustentam e se transmutam pela alma.
Estas partículas que adquirimos são a própria vida, e nos dão todas as variedades de percepções sensoriais: calor e frio, se temos muitas partículas. Isso constitui, também, a energia dos rituais.
Contudo, os materialistas grosseiros não acreditam nos mundos da anti-matéria e, no entanto, até hoje, ainda não conseguiram cortar ou queimar alguma coisa que os incomoda.
Entretanto, a prece, o nosso canto, o faz notar uma presença que percebe claramente.
O Homem vive em busca de destruir o outro. Falta-lhe a visão e teima em não aceitar as coisas como são. Mas a sua vida é a sua anti-matéria.
O Homem na busca nuclear está destruindo a sua matéria e, na realidade, vivemos a nos destruir.
Salve Deus, TIA NEIVA. (14.08.81)         

NAVESREVOADA.GIF (19904 bytes)

estrela_001.gifAMACÊS, CHALANAS E ESTUFASestrela_001.gif

“Partículas em suspensão. A força gravitacional da Terra é interrompida naquele local onde a presença da amacê flutua formando um campo magnético que repele a ação do mundo físico. Um fenômeno especial, onde os átomos sofrem a separação e levitam com a força luminosa fosforescente”. 
Adjunto Apurê – 19.08.2012

Imagem relacionada

Amacês são naves espaciais, verdadeiros laboratórios energéticos, invisíveis aos nossos olhos, porque em outra dimensão, que se deslocam com precisão, podendo desempenhar as funções de portal de desintegração, de rodoviária espacial, portando potentes energias destinadas a vários pontos do Universo.
Na Terra, seu trabalho se faz na nossa Corrente do Amanhecer, trazendo-nos as energias dos Oráculos de Simiromba, de Olorum e de Obatalá, para serem usadas nos trabalhos, as falanges dos Cavaleiros Águia  e a projeção das 21 Estrelas para energização dos Sandays.
Sandays
Os Sandays foram uma grande conquista de Koatay 108 para engrandecimento dos trabalhos do nosso Templo, recebendo, diretamente das 21 Estrelas (Sívans, Harpásios, Vancares, etc.), forças iniciáticas de grande poder, que se somam e se cruzam em benefício de todos, encarnados e desencarnados, no exercício da Lei do Auxílio.
Koatay 108 trouxe sete Sandays de cada um dos três Oráculos que nos regem - Simiromba, Olorum e Obatalá -, perfazendo as 21 Estrelas.
O Sanday é um foco de energias emanadas das Estrelas e transportadas por amacês, que visa dar maior segurança e força aos trabalhos.
Um Sanday é formado, em nossos Templos, de acordo com as origens dos elementos componentes, de suas Estrelas, parte de nossa bagagem transcendental, que irão determinar nossa posição dentro do Sanday.
Essas energias não são permanentes, deslocando-se na medida da necessidade. A função dos sudálios (véus) é armazená-las, para que fiquem à disposição da Espiritualidade Maior.
Dentro de um Sanday há uma hierarquia, um ritual para cada tipo de situação. São Grandes Iniciados que regem os Sanday, podendo tal força realizar incríveis fenômenos. É permitida por Eles a incorporação de Ministros nos Sandays, pela grande força que representam e que acrescentam, naquele momento, ao trabalho que estiver em andamento.

Nos horários precisos de 12,30 às 13,30 horas, 14,30 às 15,30 horas e 18,30 às 19,30 horas, quando se fazem as Consagrações da Estrela Candente, uma Amacê, força poderosa que vem dos Planos Superiores, assume o comando de todo o trabalho, nos planos físico e espiritual, projetando o poder do Reino Central por todo aquele recinto - Estrela Candente, Quadrantes e Pirâmide.
Suas emissões portam energias diversas, com ações e resultados diferentes. Sua energia concentrada e luminosa é entregue, na Pira, pelos médiuns que realizaram a Escalada, na ESTRELA CANDENTE .
Os Capelinos usam espaçonaves para seu deslocamento físico por todo este Universo. A nave-mãe é denominada AMACÊ ou ESTUFA, servindo de base a naves menores, as CHALANAS.
Na Terra, têm bases em diversos lugares, como, por exemplo, nos Andes e nos Himalaias. Às vezes se tornam visíveis a olho nu, ensejando relatos discutidos por cientistas, filósofos e vários setores da sociedade - os famosos OVNI - “Objetos Voadores Não Identificados” ou, simplesmente, discos voadores.
“Sim, as energias extra-etéricas, nos átomos, são cientificamente combinadas para formar as células no corpo composto, se aninhando no Reino Central Coronário (plexo).
Para um recurso de átomos existe a amacê – portal de desintegração, reintegração e integração, pontos perigosos mesmo para nós, em nossos carreiros terrestres.
Onde está situada uma amacê é como se estivéssemos à beira de um abismo, como, por exemplo, no Triângulo das Bermudas. Pelos grandes portais atravessam, também, nossas necessidades reencarnatórias, que são as energias extra-etéricas.
As amacês são transitórias. Elas são guiadas pelos grandes Alufãs, que são, também, nossos Iniciados no reino físico – Mestres do Amanhecer ou Alufãs de Mayante, ou na representação dos seus regentes.” 
 (Tia Neiva, 28.6.77)
“O espírito entra no corpo e é invisível, no plano físico, porque não tem charme. Não tem charme antes do contato com a carne. O charme é um átomo, uma energia que se refaz na Terra, na vibração da Terra, do aroma das matas, das águas... O charme é uma energia.
Por exemplo: se um disco, uma amacê, desgovernar-se em direção à Terra, não irá cair como um avião e, sim, ficará se balançando a cerca de mil metros acima da faixa da Terra, porque não tem charme, átomos...
Não sei bem, pois as entidades não me dão uma resposta decisiva! A amacê não cairia na Terra. Os espíritos não podem pisar na Terra. Aparecerem, sim; pisar na Terra, não! Afirmo, por isso, que nenhum disco baixa na Terra e leva passageiros, espíritos encarnados. Impossível!” 
 (Tia Neiva - Caminhando no Espaço, 11.6.84)

Sandays são Casas Transitórias 

Meu Filho Jaguar,
Salve Deus!


No campo da mediunidade muito pouco poderemos falar. Falemos então, nas duas forças básicas existentes no Mestre Jaguar em suas formas distintas.
Sabemos que o Apará é Força Vibratória e o Doutrinador Força Básica de sua manifestação silenciosa, porém concreta.
O Apará em sua força vibratória fica limitado a trabalhos de comando, isto é, quanto mais forte a faculdade mediúnica de um 5º Yurê, mais ele entra nas sete linhas de Olorum, é então, Deus na sua grandeza infinita.
Meus filhos; vamos falar agora na grandeza que acabamos de receber; os “Sandays”. Os Sandays são casas transitórias enormes que repousam perto de Capela e espalham suas estrelas luminosas.
Aqui no Templo, nos Sandays, existem três Oráculos que já estão em preparação para o III Milênio, que são: Oráculos de Simiromba, Oráculo de Olorum e o Oráculo de Obatalá.
Destes Oráculos partiram 21 (vinte um) Sandays, ou seja, 03 (três) falanges que se encontram à minha mercê, a mercê de Koatay 108 e, nesta força decrescente, nesta contagem, vinte e uma estrelas, denominadas a cada mestre, porém, numa hierarquia.
Cada mestre tem a sua distribuição própria, a sua origem e a sua tribo. Deixo bem claro, que todos nós somos de uma mesma tribo, porém, muitos mestres se comprometem com outros que não são da sua tribo, da mesma origem. Porém, nós respeitamos a sua energia, o seu ectoplasma. A força sendo a mesma, cada uma tem a sua precisão para cada trabalho: Harpásios, Sivans, Vancares, Cautanenses etc. Vancares e Cautanenses, por quem estamos aqui e devemos todo este esclarecimento.
O 5º Yurê Vancares ou Cautanenses, após receber a instrução de sua estrela, terá a força necessária e precisa para certos comandos. No entanto, um 5º Yurê ou mestre-lua, não pode sentar-se sozinho numa Cassandra, porque ele entra nas sete linhas de Olorum e vai formando a sua vibração fluídica, podendo assim, atrapalhar todo o comando de um Trabalho Oficial.
Meu filho Jaguar, hoje é só o que te posso dar.

Com carinho a mãe em Cristo.
Tia Neiva

estrela_001.gifOS HIMALAIASestrela_001.gif

Resultado de imagem para os himalaiasOs Himalaias são uma cadeia de altas montanhas, as mais elevadas da Terra, que separa o planalto do Tibete da planície entre os rios Indo e Ganges, a Mesopotâmia, onde surgiu uma das civilizações mais antigas do planeta. Os picos atingem a média de 4 mil metros, inclusive o Evereste, com 8.850 metros, tendo neves eternas nas encostas acima de 2 mil metros.
É um dos sete pontos onde se formou uma colônia de Capelinos e se constitui num importante centro energético do planeta, de onde são emitidas poderosas forças curadoras e desobsessivas que nos chegam como Correntes Brancas do Oriente Maior , na energia do Primeiro Dalai Lama, que rege as consagrações de Elevação de Espada do médium iniciado.
Quando nos referimos ao Mundo Encantado dos Himalaias estamos invocando um ponto cabalístico onde estão espíritos de elevada hierarquia, fazendo importantes manipulações de forças telúricas e cósmicas, que são trabalhadas pelos Grandes Iniciados, e que usamos nos nossos trabalhos no Templo.
São grandes poderes que buscamos ao emitirmos, às 12, 15 e 20 horas, o mantra:
“O Senhor tem o Seu templo em meu íntimo. Nenhum poder é demasiado ao poder dinâmico do meu espírito. O amor e a chama branca da vida residem em mim! Salve Deus!”
Daquelas geleiras eternas partem forças radiantes para as mais variadas regiões da Terra, onde se realizam trabalhos com as linhas orientais.
Com a invasão pelos comunistas chineses, desfizeram-se grupos de sacerdotes tibetanos, exilados, presos ou mortos, e a base física dos Himalaias, dos grandes mosteiros budistas, liderados pelo Dalai Lama, está destruída. Mas ali permanecem as forças grandiosas, que, atravessando os séculos, agem em toda a Terra pelos médiuns que trabalham nas chamadas Linhas Brancas.
Fonte: Tumarã
Postado por Templo Puemar do Amanhecer

Resultado de imagem para Estrela Sardyos faz parte das 21 Estrelas

estrela_001.gifESTRELASestrela_001.gif

Na medida em que vamos evoluindo na Doutrina começamos a nos preocupar com o Universo, com nossa galáxia, sabendo que existem muitos planetas como a Terra, porém alguns inferiores e outros muitos superiores, além de estrelas que nos envolvem em suas vibrações.
O nosso planeta-mãe, Capela, do qual estamos afastados há seis ciclos, irradia e nos ajuda na ação direta dos Capelinos na cultura que estamos fazendo dos três Oráculos - Simiromba, Olorum e Obatalá -, chegando ao ponto, em nossa evolução, de agora podermos contar com vinte e uma estrelas, partindo desses Oráculos, que projetam em nossos Sandays .
Cada Estrela dessas forma uma Amacê, com finalidade específica para o desenvolvimento de uma missão. Sívans, Harpásios, Taumantes, Vancares, Sardyos e outras dezesseis estrelas são forças de nossas origens que, pelas nossas consagrações, se apresentam com precisão, projetando, vibrando de forma adequada às condições que tivermos que enfrentar em nossos trabalhos. Os médiuns recebem suas Estrelas, que são específicas para cada mediunidade:

APARÁS
NINFAS LUA - Estrelas do 2º Verbo, dando proteção e equilíbrio aos Aparás, especialmente nos trabalhos de cura desobsessiva e libertação, agindo para a harmonia com o Doutrinador:

Resultado de imagem para Estrela Sardyos faz parte das 21 EstrelasACELOS - Transmite a força de equilíbrio e ação diretamente do Oráculo de Olorum,
sem qualquer cruzamento ou influência de outras Estrelas;
CEANES - Transmite seus raios de Olorum, com predominância da força dos Pretos Velhos;
XÊNIOS - Emite força com predominância dos Caboclos, no leque de forças de Olorum;
GERTAES - Emite força de ação altamente desobsessiva, projetando ação cruzada de
Caboclos e Pretos Velhos;
MÂNTIOS - Projeta os raios de forças de Olorum, com predominância da Falange de Médicos do Espaço.
MESTRES LUA recebem projeções de VANCARES e CAUTANENSES.

DOUTRINADORES
NINFAS SOL - Estrelas do 3º Verbo que irradiam forças para serem manipuladas por Doutrinadoras:


Resultado de imagem para Estrela Sardyos faz parte das 21 EstrelasVANULOS – Transmite, em equilíbrio, forças irradiadas do Oráculo de Obatalá  em harmônico cruzamento com as de Olorum, com total capacidade de ação em conjunto tanto para os trabalhos evangélicos domo os desobsessivos;
GESTAS – Faz uma variação de Vanulos, com maior especificidade para trabalhos evangélicos, especialmente os dedicados ao desenvolvimento mediúnico;
GEIRAS – Por irradiar forças altamente desobsessivas, é de grande ajuda nos comandos e, por ser portadora de força antimatéria, provoca a quebra de correntes negativas e bolsões de forças esparsas;
TEIZES – Projeta força de grande poder desobsessivo que é usada, principalmente, nos Sandays dos Tronos e da Linha de Passes.
MESTRE SOL - São regidos por HARPÁSIOS, TAUMANTES e SÍNVANS.


Resultado de imagem para Na medida em que vamos evoluindo na Doutrina começamos a nos preocupar com o Universo, com nossa galáxia, sabendo que existem muitos planetas como a Terra, porém alguns inferiores e outros muitos superiores, além de estrelas que nos envolvem em suas vibrações.

Vemos, assim, que as Estrelas são a força direcionada dos Oráculos para que os Sandays possam funcionar. Sem elas os Sandays não existiriam.
Têm um grande poder de integração e desintegração de forças, que pode ser usado de forma intensa, fazendo com que cada trabalho, no Templo, receba alto poder curador e desobsessivo.
Como exemplo, temos a Estrela de Nerhu, onde se faz o cruzamento das Estrelas de forma harmoniosa mas efetiva na manipulação das grandes cargas negativas que são conduzidas pelo Santo Nono.
Cada médium, em nossa Corrente, se relaciona, no mínimo, com uma Estrela, que determina sua posição ou sua afinidade com um Sanday, havendo muitos que, por sua hierarquia, podem ter a força de mais de uma Estrela.
Deus se fez nas plantas, Deus se fez na vida, em todos os lugares. Deus na atmosfera, na mais linda primavera. Deus se colocando dentro de Acelos; Deus se colocando dentro de Taumantes; Deus se colocando dentro de Vancares, Sardyos, enfim, em todas as Estrelas, jogando eflúvios sobre os campos, procurando aqueles que lhe emitiram amor, nas asas do Cavaleiro da Lança Vermelha!” 
(Tia Neiva, 25.9.84)
Sívans, Harpásios e Taumantes já assumiram muitas dores pelos estudos e incompreensões dos cientistas, que podem estar, muitas vezes, envolvidos num grande e potencial caso sem conhecer, deslumbrados e sem nenhum conhecimento do que nos faz emitir, dentro de nós, uma força que não é nossa. (...)
Já demos um passo muito grande nesta última consagração de Enlevo.
Quando pensamos em trabalhar com esta Estrela, os seus poderes já nos traziam a preparação física do nosso Sol Interior. Cientes do que somos, temos sete Raios, que são a Cabala viva e resplandecente, dentro de nós.” 
 (Tia Neiva, 28.1.85)
Fonte: Tumarã
Postado por Templo Puemar do Amanhecer

Estrela Sardyos
A Estrela Sardyos faz parte das 21 Estrelas (7x3), Harpásios, Sívans, Taumantes, Cautanentes, Vancares, Tenaros, Sumays, Sardyos, Tisanos, Acelos, Geiras, Vanulos, Mantios, etc, que se deslocaram para a órbita da Terra, afim de projetar forças aos Jaguares, no cumprimento dessa missão.
Essas "Estrelas" na verdade são naves gigantescas, ou como chamamos na nossa linguagem iniciática são AMACÊS. Cada Amacê se desloca numa finalidade específica e delas partem outras naves menores.
Existem Amacês maiores que o planeta Terra! Elas funcionam como naves-laboratórios, usinas geradores de forças as quais são emitidas para hospitais, escolas, etc.
Sobre estas Estrelas o Trino Tumuchy, Mário Sassi nos esclareceu:
"A chegada destas Estrelas é o fechamento do círculo, com que nós recebemos a força fantástica destas Estrelas. Segundo Neiva, o tamanho de cada uma é imenso! Cada um de nós tem, portanto, um relacionamento dentro dessas Estrelas e, embora alguns de nós possa ter a força de mais de uma Estrela, conforme a posição dentro de uma hierarquia, a maioria é especializada naquele tipo de trabalho que aquela Estrela irá fazer" (Curso Estrelas, 1982)
Essas Amacês não penetram na atmosfera da Terra. Seria impossível sem destruí-la totalmente. Elas projetam do espaço e, mesmo que fossem avistadas, seriam apenas imagens projetadas a partir do plano etérico da Terra, como se fosse um holograma, uma imagem tridimensional.
Adj Ogandô
Postado por Antonio Claudio

Sivans
Sívans é uma das 21 Estrelas que formam os Sandays, regendo os médiuns que a trazem no sentido de predominância racional, de análise dos seres e das coisas que nos cercam.
“O mestre Adjunto Koatay 108 SIVANS, continuação da ordem dos Ramas e Rajas, é Adjunto para qualquer iniciação, até mesmo a presidência evangélica iniciática nos templos, ou no seu próprio templo, se assim lhe convier, porque o Adjunto Koatay 108 Triada Sívans é também um herdeiro, como os Ramas e os Rajas são herdeiros.
Os Adjuntos Koatay 108 Triada Sivans são ilimitados, porém, por três anos, terão que acompanhar o seu Adjunto e trabalhar paralelo com ele.
Caso houver necessidade de o Adjunto Rama ou Raja convocar o mestre Sivans para seus trabalhos, ele, desde já, deverá saber que obedecemos a uma hierarquia. É claro que tudo se fará pelo amor incondicional! Não existe a ordem forçada, mas uma lei que obedecemos, com -0- em Cristo Jesus.
Os Sívans são mestres - principalmente Mestres Luz - que se encontram em qualquer desenvolvimento evangélico iniciático. Só poderá ser um Sivans o mestre que tem boa dicção e escolaridade.
A individualidade do mestre fica à mercê de sua consciência. Não se esqueça, meu filho de que a vida iniciática evangélica é força, razão e consciência.
Religião é conduta doutrinária na família e em Deus!” 
(Tia Neiva, 26.12.81)
Sívans é uma grande Estrela que emite mil amacês que trabalham em diversos lugares e em diversos outros planos. O maior trabalho é no seu próprio plano. (...)
Sivans está a responder, com suas amacês, às heranças transcendentais, emitindo de uma vida para outra, afirmando que a constituição do Homem não resiste às descargas magnéticas cósmicas nucleares. (...)
A este respeito eu tenho um quadro belíssimo da grande Sívans, que traz a mensagem da reencarnação.
Porque Sívans é uma das Estrelas mais desenvolvidas, mais esotérica, que não se cansa de emitir sua grande projeção a nós, Jaguares. Nos atende todos os dias e já apareceu fisicamente a nós, no dia 16 de junho de 1982, às 22 horas.” 
(Tia Neiva, 28.1.85)
Fonte: Tumarã
Postado por Templo Puemar do Amanhecer

Resultado de imagem para estrelas

Harpásios
Harpásios é uma das 21 Estrelas que regem os Sandays, mas tem uma supremacia sobre as demais, atuando como Estrela-Mãe, uma nave de comando.
O médium que traz Harpásios como sua Estrela, em sua bagagem transcendental, está preparado para qualquer tipo de trabalho, sob as mais variadas circunstâncias.
“O mestre Adjunto Koatay 108 HARPASIOS, continuação da ordem dos Ramas e Rajas, é um Adjunto para qualquer Iniciação, até mesmo para a presidência evangélica iniciática dos templos, ou no seu próprio templo, se assim lhe convier, porque o Adjunto Koatay 108 Triada Harpásios é um mestre capaz de qualquer manifestação de ordem doutrinária que lhe convenha.
O Mestre Harpásios, apesar de todo o acervo adquirido nesta consagração, ficará compromissado, neste sacerdócio, pela evolução evangélica de determinados componentes, pela promoção de eventos, principalmente na ordem das Falanges Missionárias, suas escalas e no equilíbrio dos Sandays.
Poderá participar de alguma escala, caso seu primeiro Comandante Adjunto esteja impossibilitado de participar no 1º Radar, digo, a sua função de 1º Mestre Adjunto Koatay 108 Harpásios não é a espera do Radar Iniciático Evangélico.
mestre Harpásios é o trabalhador da última hora, é a convocação da última conquista para uma Nova Era. Ele é o mestre responsável pela Estrela de Nerhu, por suas consagrações e por sua manutenção.
É responsável, também, pelo Crômio, nova lei de Sandays, que é uma Raiz. O seu Sol Interior está preparado com determinada força para a cura desobsessiva física desses Sandays. É o mestre de milênios!
Crômio só poderá ser feito pelo mestre Harpásios ou por um Adjunto Rama ou Raja Herdeiro.
Os Adjuntos Koatay 108 Triada Harpásios são mestres capazes, bem como os demais Adjuntos (Taumantes, Tisanos, Tenaros, Cautanenses, Vancares, Sumayas e Sardyos), porém o seu desenvolvimento total evangélico iniciático lhe dará toda a força de ação. São mestres aptos para formar seus templos, fazer seu trabalho na Lei do Auxílio, porém testados e consagrados pelos meus olhos, na minha clarividência, em Cristo Jesus.
Têm, como seu sacerdócio, o que digo acima.
Também compromissados nestes Sandays, continuarão seus trabalhos ao lado de seus Adjuntos Koatay 108 Triada Herdeiro, desde que suas obrigações sejam rigorosamente cumpridas.
Rogo a Deus que assim também compreenda o seu Mestre Adjunto Koatay 108, com -0- em Cristo Jesus.” 
(Tia Neiva, 26.12.81)
“Partindo dessa missão absoluta que Jesus está nos enviando me agrada dizer que tudo que temos parte da compreensão dos três reinos de nossa natureza: humildade, tolerância e amor.
Hoje, filhos, para minha realização, vos vejo recebendo este diploma abençoado e trabalhoso, porém não sofrido, mas feito de pérolas, pérolas das minhas mãos, este rico Aledá, que hoje eu vos entrego com os mesmos ensinamentos e na proporção...
Filho Koatay 108, energia cósmica universal que após esta consagração estará dentro de ti, te dando vida e força. Sim, filho, uma força inesgotável!
Desperta, filho, para a verdade superior. Não te iludas, Koatay 108: busque incessantemente as coisas duradouras! O teu dever é espalhar ao teu redor alegria, otimismo e caridade. Tolerância e amor são o teu lema, são a tua base eterna.
Sejas tu mesmo a acender o teu Sol Interior, fazendo iluminar o teu Aledá, onde abrigastes a Centelha Divina, porque recebestes, na seqüência, o Mantra Koatay 108.
Portanto, somente tu poderás dominar as rédeas dos teus atos. Busque dentro de ti mesmo a luz da compreensão, sabendo constantemente assimilar a dor.
Seja exatamente o que tu desejas ser. Não tentes te trair e nunca tentes, também, andar pelas sombras. Se um dia, por vaidade, fizeres o mal ou traíres a tua tribo, sentirás, então, chorar copiosamente o teu próprio EU, de arrependimento e frustração.
Sim, filho, serão necessários os teus sacrifícios. Em Cristo Jesus, terminarão de vez as pequenas desarmonias. Procura sempre sintonizar-te com a Voz que chama das Legiões!
Coragem da grandeza do espírito da verdade... Sim, filho, não se exige bastante estudo para seres um Koatay 108.
“A caridade trata apenas dos efeitos da pobreza e não da causa. Não acreditamos no tratamento dos efeitos e, sim, acreditamos no tratamento da causa!” e nunca te deixes confundir entre cultura e sabedoria. A cultura atinge nossos olhos e nossa mente, enquanto que a sabedoria atinge os três plexos, o nosso Sol Interior e o nosso coração.
O filho Koatay 108 jamais deverá pesar os valores intelectuais, a beleza ou a riqueza.” 
(Tia Neiva, 18.9.83)
24 HORAS - MEIA NOITE - Abrem-se os portões dos cemitérios e os espíritos se movimentam, entrando e saindo. Este período vai até 1h 30 min da madrugada. Estes espíritos vão recebendo, neste período, a ajuda de Harpásios e de muitas outras estrelas como ela.” 
(Tia Neiva, Horários, 1984)
“Foram classificados, em cada Adjunto, muitos Adjuntos Regentes Taumantes e Adjuntos Koatay 108 Triada Harpásios.
Sabe-se que na Lei do Adjunto Koatay 108 em Projeção, ele fica à disposição de uma jornada, seguindo em sua partida, orientado pelo Adjunto Maior.
Sempre em harmonia com seu Adjunto, ele poderá apresentar em seu continente um grupo de mestres determinados para uma missão específica.
Utilizando o Sistema de Unificação de forças iniciáticas, torna-se poderoso na sua individualidade, permitindo, assim, que seu próprio Ministro trabalhe naquele continente que está em missão. Representa todo o ciclo do seu povo, toda a sua energia. Sabe manipular as forças que regem nossa Corrente, nossa Tribo. É consciente da verdadeira mensagem da nossa Doutrina: Amor, Humildade e Tolerância!
Porém, caminha sobre os alicerces do seu Adjunto Maior, construindo sua própria independência. Poderá, no futuro, trazer sua Estrela, formando, assim, seu próprio continente.
É um Sétimo Raio que dispõe das forças que regem todo este Sistema Iniciático, em seu mundo decrescente. São mestres preparados, em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo, para emitirem sua força em favor de qualquer trabalho, sob o comando de um Adjunto Maior.
Podem trabalhar na sua individualidade, realizando-se espiritual e materialmente. Estão aptos para qualquer evento, desde que disponha da força decrescente de um Ministro e seus componentes.
Sendo em Sétimo Raio, conhece e sabe ser um Cavaleiro Janatã, um Adjunto Koatay 108, um Trino Especial, um Cavaleiro Especial ou um Adjunto Trino, sempre em harmonia com todos os mestres e Adjuntos Maiores deste Amanhecer.
Tem o Canto do Cavaleiro Especial e por sua emissão recebe muitas energias. É um mestre que atinge todo o Ciclo Iniciático. É um mestre para os Tronos, porém sendo pronto para iniciar e, sendo Instrutor, pode fazer muito mais.
É um completo executivo, sempre ativo, buscando, com otimismo, desvendar as tarefas de que se encarrega.
São Magos do Evangelho, caminhando e desvendando, com sabedoria, o porquê das coisas, dos destinos cármicos.
Sua tarefa bem realizada é a minha própria realização, porque és um Koatay 108!” 
(Tia Neiva, 1.5.85)
Fonte: Tumarã
Postado por Templo Puemar do Amanhecer








Nenhum comentário:

Postar um comentário